14.4.10

Belfast – Parte 2

“Pay attention for do not forget me, because I will never forget you”

DSC03818

Na foto: Eu em CauseWay na Irlanda do Norte

Se prepare para ver a postagem com mais fotos que já fiz aqui no blog.

DSC03699

Na foto: Costa da Irlanda do Norte

Ficaria com remorso se não colocasse muitos lugares marcantes e inesquecíveis que visitei numa das mais espetaculares viagens que já fiz na vida.

DSC03791

Na foto: Parque na Irlanda do Norte

A Costa da Irlanda do Norte é somente comparável as Highlands escocesas. As paisagens se superam a cada quilometro. Impossível ficar sonolento com estas visões.

DSC03792

Na foto: Ponte pênsil

Para fazer esta viagem pegue um coach em Belfast por 25 libras. Caso você faça o Hop-on Hop-off por Belfast, não se esqueça de pedir o desconto para pagar 17 libras por este passeio.

DSC03719

Na foto: Glenarm

A primeira parada é este porto da foto, Glenarm. Este é famoso pela abundancia de salmão e por um lindíssimo castelo.

DSC03698

Na foto: Costa da Irlanda do Norte

Passeando por este Castelo você seguirá para Carnlough, uma pitoresco porto com características bem rurais, lindíssimo.

DSC03797

Na foto: Vista deslumbrante do mesmo parque da ponte pênsil.

Praticamente toda a viagem é digna de fotos, filmes e diversas são as cidades e pontos turísticos visitados.

DSC03806

 

Após Carnlough, um dos lugares marcantes foi Carrick A Rede um parque impressionante com caminhos pela costa dos morros.

DSC03800

Na foto: Em Carrick A Rede

A trilha pela costa apresenta alguns acidentes que lhe permite ver o oceano batendo nas rochas logo abaixo de você.

DSC03816

Na foto: Giant Causeway.

E em um ponto, para continuar sua trilha pela costa do morro você necessita atravessar uma ponte pênsil.

DSC03784

Apesar de acreditar que faz parte do show e dar mais emoção ao passeio, somos todos avisados pelos guias que a travessia ocorre por nossa conta e risco e que tanto o tour quanto o parque não se responsabilizam por quaisquer acidentes.

DSC03801

Na foto: Giant Causeway

Este foi um dos pontos mais engraçados desta viagem quando tive que atravessar esta ponte pênsil (Rope Bridge) muito parecida com a do segundo filme do Piratas do Caribe.

DSC03825

Na foto: Giant Causeway

Passar sozinho por uma ponte pênsil é algo já extremamente emocionante, junte-se a isso uma altura enorme e umas dez pessoas atravessando junto com você e o vento que tornam a travessia um tanto quanto assustadora.

 DSC03826

Um pouquinho de adrenalina, entretanto sempre vale a pena e além do mais quando você consegue alcançar Rathlin Island após passar esta ponte. Esta pequena e alta ilha é um convite perfeito a reflexão. Sentar a beira de um precipício lhe faz refletir sua existência e perceber o quão tênue é a linha que separa a vida de uma vida que não conhecemos.

 DSC03815

Na foto: Giant Causeway

Depois de Rope Bridge visitei a renomada destilaria Bushmills onde foi possível tomar aquele café :D visto que não gosto muito de Whisky no conhecido 1608 Bar.

DSC03824

Na foto: Pôr do sol

Após isso então visitei um lugar impressionante e o ponto alto da já incrível viagem.

DSC03772

Na foto: Carrick A Rede

Este local se chama Giants Causeway

Este local é composto de milhares de pedras aparentemente cuidadosamente cortadas e colocadas num disposição que lembra rituais antigos. A primeira impressão que temos é de que uma civilização antiga e muito avançada fez tudo aquilo. Entretanto esta fabulosa visão foi construída num processo completamente natural. É uma das visões naturais da minha vida, impressionante.

DSC03821

Na foto: Subindo um dos morrinhos de Giant Causeway.

Finalmente, no finalzinho do dia, visitei o Dunluce Castle que está desabitado deste o século 13 e foi construído num penhasco de frente para o mar.

Deixei-me ir seguindo agora … muitíssimo obrigado pelas visitas e grande abraço.

Até mais.

Postar um comentário